3 Maiores dúvidas sobre contabilidade para médicos

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Bom, hoje abordaremos as 3 maiores dúvidas sobre contabilidade para médicos. Visamos esclarecer as dúvidas que muitos empreendedores têm nessa área.

3 maiores dúvidas sobre contabilidade para médicos:

1. Como fazer a abertura de uma clínica médica?

Atualmente, existem diversos tipos de natureza jurídica, porém, as mais comuns são:

Sociedade Simples
A natureza de uma Sociedade Simples é aberta entre dois ou mais médicos, pois é uma sociedade registrada em cartório.
Depois de feito o registro no cartório, deve-se encaminhar o registro para a Receita Federal e, a partir daí, você obterá o seu CNPJ.

Benefícios: Pagar ISS trimestralmente, ou seja, você ficará isento àquele ISS cobrado de 2% sobre a prestação de serviços médicos, pois já paga o ISS que é por profissional.

Sociedade Limitada – EIRELI
Para essa natureza jurídica não é necessário uma sociedade, você pode abrir a sua clínica individualmente.

Empresa Individual
Nessa natureza jurídica você abre a sua empresa individualmente, sem nenhum sócio.

Lembrando que a natureza jurídica é definida através do faturamento, cada regime tem o seu limite de faturamento.

2. É possível abrir uma empresa no meu endereço pessoal?

Para os profissionais da área da saúde que não possuem uma área comercial para abrir uma empresa e desejam atuar como terceirizados, é possível, sim, abrir a empresa em seu endereço pessoal.

Pois, como os seus clientes não serão atendidos em sua própria clínica, não existem problemas caso queira abrir a empresa em seu endereço pessoal.

3. Qual a vantagem em me tornar pessoa jurídica?

Um profissional da área da saúde, que é pessoa física, com certeza paga muito mais impostos do que uma pessoa jurídica.

Além disso, hospitais e clínicas médicas têm preferência por contratar pessoas jurídicas, pois você possui um serviço esporádico, ou seja, não trabalha só para aquele empregador.

Portanto, vale mesmo a pena você virar pessoa jurídica e tributar em até 16%. Então, você, como pessoa jurídica, pode entrar no regime tributário Lucro Presumido, pois não possui funcionários, e essa seria a melhor opção para você.

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
Veja também

Posts Relacionados

Abrir empresa com cônjuge: isso pode dar certo?

Descubra agora se abrir empresa com cônjuge é uma boa escolha Descubra agora se abrir empresa com cônjuge é uma boa escolha e se pode render muito dinheiro Ter um parceiro na vida é contar com o apoio sempre que

Riscos jurídicos na pandemia – como evitar?

Conheça 5 riscos jurídicos para empresas na pandemia Empresário, conheça agora 5 riscos jurídicos que o seu negócio pode estar correndo na pandemia Abrir uma empresa requer muita responsabilidade para realizar todas as suas tarefas e, também, para cumprir todas

Como abrir um negócio com pouco dinheiro?

Saiba de que forma abrir um negócio com pouco dinheiro e entenda como obter resultados rapidamente! Entenda quais são os fatores que proporcionam o êxito ao abrir um negócio com pouco dinheiro Abrir o próprio negócio é o caminho que

Exclusão do Simples Nacional – como funciona?

Dê fim às suas principais dúvidas sobre a exclusão do Simples Nacional! Entenda como funciona a exclusão do Simples Nacional e as situações que levam a isso! O Simples Nacional é um regime tributário que promove diversos benefícios para muitos

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Back To Top

Nos informe seu contato e logo ligaremos :)

Iniciar conversa
Precisa de ajuda?